Universo Mi

Fatima Saint-Clair Campos - sexta-feira, 12 junho , 2015

Esmalte

Fatima Saint-Clair Campos - sexta-feira, 12 junho , 2015

Dia dos Namorados

Fatima Saint-Clair Campos - sexta-feira, 12 junho , 2015
livros - cachorro - Mi - Mimosa
KarenM2
amor - namorados - paixão

 

Dia dos Namorados O Cúpido do Amor ou um dia de Comércio?

 

coraçãoTantos mitos e lendas rodeiam esse dia lúdico, surpresas e sorrisos… Quantos corações apaixonados estarão entrelaçados nesse dia especial… Amor, palavra doce, sublime, melhor fase… Existe melhor do que está apaixonado? Correspondido ou não, não importa, o que importa é o coração que vibra, que pulsa e que viaja…

A dança das flores, taças se beijando num tilintar de restaurantes entre olhares, promessas, compras e presentes… Será? Muitos motivos para falar de amor, mas muitos, também para falar do desamor… Quantos não estarão solitários hoje?  Bom, vamos escolher a primeira opção, afinal é a festa dos corações… Vamos tentar voltar aos velhos tempos onde a festa dos namorados era singela…

Datas e Comemorações

Na maioria dos países, o dia dos namorados é comemorado no dia 14 de fevereiro.  No Brasil a data é bem diferente. O dia 12 de junho não foi escolhido por acaso, vésperas de Santo Antonio, o santo amour - amor - namorados - petit amicasamenteiro. . O publicitário, João Doria, trouxe essa novidade para os comerciantes brasileiros em 1949.  Diz- se que a data foi escolhida no mês de junho por ser um mês fraco para o comércio e nada mais justo que comemorá-la as vésperas do santo casamenteiro.

O Casamenteiro

Santo Antonio recebeu o titulo de Santo Padroeiro da família, pois sempre pregava e evangelizava sobre o amor no seio familiar…  A história conta que, uma moça queria se casar, mas era muito pobre e não tinha dotes da família para financiar o casamento. Frei Antonio a abençoou e disse para ter fé que iria receber as doações necessárias para se casar.  Em alguns dias a moça recebeu tudo que necessitava e se casou em pouco tempo. Este episódio correu mundo e o santo se tornou o santo casamenteiro reconhecido pela igreja católica.

Esconda um beijo para mim

Vamos ver um pouco o mito que engloba o dia dos namorados no dia 14 de fevereiro. Há várias versões sobre essa data. Vamos ver algumas.

Na antiguidade, nas cidades campestres, havia o costume das festas onde os rapazes escreviam o nome da sua amada na dobra da manga e essa seria a sua companheira na festa. Lenda, ou não são memórias de um tempo onde tudo poderia ser mais bucólico… Conta à fábula, que havia, também, outras festas onde as moças das aldeias se escondiam ate que os seus “príncipes” encantados ou não, as encontrassem, às vezes terminavam em namoro até chegarem ao altar. A igreja Católica Romana designou o Saint Valentin (Santo Valentino) como o santo dos apaixonados a partir dessas comemorações.

Escrever o nome na dobra da manga lembra uma música do Belchior “Meu bem guarde uma frase para mim dentro da sua canção, esconda um beijo para mim sobre as dobras do blusão.”

Festa Lupercal

Havia outra festa, muito conhecida na Roma antiga, a festa de Lupercal – o Festival de Lupercus ( Lupércio – Deus da Fecundidade)que era comemorado entre os dias 13 e 15 de Fevereiro. Sacrificavam uma cabra e com a pele do animal faziam uma espécie de correia e os homens saiam Lupercusdando batidinhas nas mulheres que formavam filas para receber o dom da fertilidade e para terem uma gestação sem problemas e um parto sem dor. Após o ritual, era servido um banquete e
improvisavam uma espécie de brincadeira, onde elaboravam uma espécie de sorteio com os nomes das moças para designar quem seria seu par na festa. Às vezes formavam-se casais, também, até chegarem ao matrimônio.

Quem era Valentin?

Valentin era um padre que viveu no Século III que abençoava os casamentos as escondidas, pois o matrimonio era interditado pelos militares que formavam os homens para os combates. Mas os apaixonados continuavam a receber as benções do Padre Valentin para o casamento.  Sendo descoberto, o padre foi capturado e encarcerado.  Foi então, que ele conheceu Augustine, a filha do carcereiro, que era cega.  A fábula conta que houve um milagre.  Augustine passou a enxergar graças a a fé, a devoção e bendição do padre.   Desde então, ela passou a cuidar do Padre Valentin, e antes da sua execução, o padre lhe escreveu uma carta, que no final ele assina “Ton Valetin” (Seu Valentin). Isso em francês quer dizer muito… Uma espécie de “namorado” ou apaixonado.

É então que vem o ditado: “o amor é cego e faz perder a razão”

Tão bem detalhado na versão de Antoine de Saint-Exupèry em o Pequeno Príncipe: “O essencial é invisível aos olhos, só se pode ver bem com o coração.” 

Cartas e Promessas

A partir de então, as cartas e promessas de amores começaram a ser evocadas no dia dos namorados.  Antes era de praxe nesse dia, tão especial, escrever para o ser apaixonado.

Outra curiosidade é que existe uma frase muita ouvida na Europa até hoje, na época de São Valentino: “ Você quer ser meu Valentin?”

 

 Voando, voando, voando…

Os pássaros também tinham a sua dança amorosa…  Em meados de fevereiro, fim do inverno e começo da primavera na Europa, era a estação de acasalamento de alguns pássaros.  Antigamente os pássaros também eram denominados como o mensageiro do amor. O voo se espalhou pelo mundo afora…

Na França, Inglaterra, nesses dois países a celebração começou no século XVII e foi se estendendo de pais em pais na Europa e nos EUA e em outros mares, de continente em continente, os apaixonados querem mostrar a sua boa intenção. amor - namorados

Comemorando ou não, comercializando ou não, fica aquele sabor no ar de um dia romântico… Aos eternos amantes, como diz Vinícius de Moraes: “Que não seja imortal, posto que é chama
Mas que seja infinito enquanto dure”.

Conheci alguns casais que parecem que foram feitos um para o outro… Raros, mas existem… Não comparados talvez, a Romeu e Julieta ou Tristão e Isolda, pois vivem em tempos modernos.

E para os que estão solitários, aproveite a atmosfera de festa, reúna-se com amigos e riam muito pois a vida é feita de bons momentos.

Sugestões de Músicas? Podem enviar…

 

 

4 comments

Deixe um comentário